Depois de um protesto que teve até bloqueio de trecho da Rua Coronel Ponciano na manhã desta terça-feira (20), a Prefeitura de Dourados comprometeu-se a disponibilizar novamente ônibus de transporte escolar na Sitioca Campina Verde a partir de quarta-feira (21). Essa garantia foi dada pelo secretário municipal de Educação, Upiran Jorge Gonçalves da Silva, em reunião com vereadores e manifestantes.

Pouco antes desse encontro, às 8h50, adultos e crianças munidos de faixas e cartazes improvisaram um bloqueio temporário no cruzamento com a Rua Mozart Calheiros, numa das rotatórias de acesso ao Centro Administrativo Municipal. O trânsito ficou caótico na região.

Uma das manifestantes, Edilaine Azevedo Menezes disse ao Dourados News que problemas no transporte escolar ao longo do ano já prejudicaram 70 dias de aulas das crianças residentes na Sitioca Campina Verde.

“Sobrinhos meus estão sendo prejudicados, estão com 70 faltas porque não liberam esses ônibus que quase não vão para a sitioca. Estou lutando pelos direitos das crianças e dos meus sobrinhos que moram lá e estou indo buscar eles todo dia para ir na escola porque lá não tem ônibus”, afirmou.

“De 12 dias para cá estão sem ônibus de nada. Ao todo, só esse ano, se pôr na ponta da caneta, são 70 dias de aulas perdidas, vai numa semana o ônibus e na outra não vai”, detalhou.

Pouco depois das 9h o grupo de manifestantes foi até o Centro Administrativo Municipal cobrar de perto a prefeita Délia Razuk (sem partido) e conseguiu uma agenda com o secretário de Educação, mediada por vereadores ali presentes.

Na saída dessa reunião, parlamentares e assessores ouvidos pelo Dourados Newsinformaram que Upiran garantiu a volta de ônibus escolares na Sitioca Campina Verde a partir de quarta-feira.