As quatro pessoas mortas na noite de ontem (28/6) após acidente entre caminhão e van na MS-395 eram mães e filhas e retornavam de tratamento médico em Três Lagoas. Todas moravam em Bataguassu. Uma pessoa ainda continua ferida, é o motorista do veículo de passageiros.

Conforme o site Campo Grande News, foram identificadas como vítimas Claudia Rodrigues Ledesma e a filha Tainá Aparecida Ledesma, além de Dolores Sanches Dias e a filha Eleni Aparecida Dias.

O acidente ocorreu no trecho que liga Bataguassu e Brasilândia e a van onde as mulheres estavam bateu na traseira de uma carreta e pegou fogo.

O veículo era da prefeitura de Bataguassu, conforme o site Perfil News.

Com o impacto da batida, o condutor foi lançado para fora da van que pegou fogo logo após a colisão. Mesmo ferido o homem ainda tentou retirar passageiras do do interior do veículo, mas foi impedido pelas chamas que se alastraram rapidamente.