Policiais civis da Defron (Delegacia Especializada de Repressão de Crimes da Fronteira) prenderam na tarde de quarta-feira (27/3) em Dourados, três pessoas suspeitas pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse irregular de arma de fogo.

As prisões aconteceram após denúncia informando que Jailson Ferreira Lima, o “Mascote”, foragido da Justiça em Sorriso (MT), estaria se escondendo em uma residência no Jardim Canaã I.

No local, os policiais também receberam a denúncia de que ele estaria comercializando drogas e mantendo uma arma de fogo, a qual estaria sendo utilizada para a prática de assaltos em Dourados.

Durante diligências, os investigadores encontraram a residência e outras duas pessoas além de ‘Mascote’. Carlos Felipe Duarte de Oliveira, o “Inslande” e Paulo Vieira Costa, o “Paulo Tripa”, o qual se identificou como proprietário da residência estavam no local.

Em buscas os policiais encontraram um revólver calibre 38, municiado com quatro projéteis.

Ainda em diligências no local, a equipe da Defron verificou que em vários pontos de um terreiro no quintal estavam remexidos e em um deles, foi localizado um pedaço de maconha enterrado, pesando 71 gramas.

Aos policiais Mascote contou ser o proprietário da arma de fogo e da droga. Já Carlos disse ser de Aquidauana e estava no local a mando de um interno da Máxima de Campo Grande com a obrigação de pegar carga de maconha para levar até o município onde reside.

Os policiais ainda apuraram que a residência onde o trio foi presos estava sendo utilizada para receber como entreposto para o tráfico de drogas, onde indivíduos de outros municípios iam até o local, recebiam drogas e transportavam para as suas cidades de origem.

O trio foi conduzido à Defron e todos autuados em flagrante.