Agentes da Polícia Rodoviária de Presidente Prudente e Assis com apoio da Polícia Militar do interior de São Paulo, prenderam Cristiano Bittencourt, 44, que trafegava em micro-ônibus, com placas de Sumaré (SP), carregado de maconha pela rodovia Raposo Tavares em trecho que corta o município de Macaraí (SP).

Segundo apurado pelo Dourados News, o condutor disse ter pegado a droga em Dourados com a responsabilidade de levar o entorpecente até a Capital paulista sob a promessa de receber R$15 mil.

Ele ainda contou que uma pessoa desconhecida iria entrar em contato telefônico, indicando o local para levar o veículo para ser descarregado.

Embriagado e sob efeito de drogas, o autor apresentou nervosismo ao ser abordado pelos agentes, levantando suspeita de ação criminosa. O flagrante aconteceu durante patrulha aérea sobre a rodovia no km471.

Os policiais também estranharam o forte odor que exalava do veículo e após vistorias, foram encontrados 352 tabletes de maconha, com peso 425,2 quilos, e 11 pacotes de Skank (super maconha), com peso 4,1 quilos.

Diante dos fatos, foi dado voz de prisão em flagrante pelo crime de tráfico de drogas ao motorista e a ocorrência foi encaminhada para a delegacia de Maracaí, onde o delegado de plantão encaminhou o preso para a cadeia pública de Lutécia (SP).