Após a morte de um menino de 11 anos suspeita de ser causada por overdose, a Polícia Civil de Guia Lopes da Laguna, a 234 quilômetros de Campo Grande, fez uma operação na cidade e prendeu sete homens por tráfico de drogas. A ação contou com o apoio da Polícia Militar e PRF (Polícia Rodoviária Federal).

Conforme as informações da polícia, as investigações começaram após a morte do menino e nesta quinta-feira (17) a polícia de Guia Lopes foi às ruas para cumprir oito mandados de busca e apreensão e seis mandados de prisão. Além das prisões preventivas, três alvos da operação foram presos em flagrante por tráfico de drogas.

Durante a ação foram apreendidas balanças de precisão e outros objetos usados para a venda dos entorpecentes. No total, os policiais localizaram 155 pedras de crack, duas trouxinhas de cocaína e um tablete de maconha.

A investigações foram comandadas pelo delegado Rodrigo Nunes Zanotta e realizada pelos policiais civis de Guia Lopes com o apoio das delegacias de Jardim, Bonito, Nioaque, Bela Vista, também equipes da PM e PRF. Cerca de 40 policiais auxiliaram no cumprimento das diligências em mais de dez pontos da cidade.

Suspeita de overdose

O menino de 11 anos foi encontrado morto na noite do dia 8 de setembro na região da Vila Aeroporto 2.

Conforme apurado, a Polícia Militar foi acionada por volta das 17h45 porque havia uma pessoa passando mal em uma lavoura de mandioca. Chegando ao local, a equipe se deparou com o menino inconsciente e acionou o Corpo de Bombeiros.

No entanto, os socorristas constataram que o garoto já estava morto. Uma outra criança que testemunhou os fatos disse que eles estavam na casa de uma mulher, onde o menino consumiu grande quantidade de cocaína e saiu correndo descontrolado, até cair e morrer.