Policiais civis do SIG (Setor de Investigações Gerais) prenderam Felipe Augusto Oliveira Costa, 23, dono de um lava-rápido, por tráfico de drogas. O caso ocorreu na quarta-feira (8/5), no Jardim Água Boa. O estabelecimento comercial funcionava como ‘boca de fumo’, segundo a polícia.

O entorpecente foi encontrado dentro de um sofá existente no escritório. No móvel havia dois tabletes de maconha, totalizando três quilos.

Em seguida os agentes do SIG foram até a casa do rapaz e apreenderam mais 28 gramas de cocaína com alto grau de pureza, além de várias porções de maconha.

O rapaz, que já havia cumprido pena por tráfico de drogas, foi atuado em flagrante pela prática desse crime, sendo representado pela decretação da sua Prisão Preventiva.