Cinco bitrens carregados com uma carga de cigarro contrabandeado do Paraguai avaliada em de R$ 12 milhões foram apreendidos ontem pela Polícia Rodoviária Federal na rodovia BR 060 em Sidrolândia e Maracajú.

Primeiro foram interceptadas três carretas em Sidrolândia e logo depois com o prosseguimento das investigações os patrulheiros chegaram a mais dois bitrens. Quatro motoristas foram presos e um conseguiu fugir. Todos já tinham sido presos pelo mesmo crime no ano passado e estavam em liberdade.

De acordo com as informações, cada conjunto ‘bitrem’ levava pelo menos 900 caixas de cigarros. O número representa pelo menos 225.000 pacotes ou 2.250.000 de maços. Segundo estimativa da instituição, cada maço representa R$ 5,50 em prejuízo para o contrabando e toda apreensão está avaliada em R$ 12 milhões.

Todas as carretas e motoristas são do Estado de Goiás. Segundo declarações dos presos toda a carga de cigarro foi carregada na fronteira com o Paraguai e tinha como destino Rondonópolis, no Mato Grosso.

As carretas com o cigarro e os motoristas presos foram encaminhados para a Superintendência da Polícia Federal em Campo Grande.